24/08/10

Governo procura baixar preço de conversor digital acessível

Noticias
Comentários




Em reunião recente entre o governo e várias empresas, foi discutido a produção de conversores digitais a preços acessíveis, para as famílias inclusas nas chamadas classes D e E. Porém, nenhum acordo foi fechado, pois o governo recusou a proposta de produção dos conversores digitais a um valor final para o consumidor de R$237,00 e R$356,00, dependendo do modelo.

Segundo a Casa Civil, o governo pediu uma nova proposta, pois o valor apresentado ainda é alto, tendo em vista que as classes D e E têm sua renda mensal muito comprometida. O governo afirma que são 15 milhões de famílias inclusas apenas nessas duas classes e, portanto, o mercado é interessante e deve receber uma oferta agradável, a um baixo custo.

Uma nova reunião entre as duas partes foi programada para 8 de Outubro, onde a nova proposta deverá ser apresentada, juntamente com outros tópicos, como o plano de aumento da cobertura do sinal da TV Digital no Brasil, os custos de produção do material e discussões para tentar diminuir o valor do conversor, que acontecerão também em reuniões adicionais, inclusive com a participação de bancos governamentais e do Ministério da Fazenda.

Nós, do Infomaníaco, esperamos que essa novidade realmente venha a um preço mais acessível. Pelo menos em época de eleição, mudanças interessantes como essa acabam surgindo.

Fonte: IDG Now!

Leia Também

Compartilhe

nenhum comentário
    Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!
Comente
  • obrigatório
  • obrigatório | não será divulgado
  • opicional | sujeito à filtro

RSS

RSS