03/12/10

China coordenou ataque ao servidor do Google

Noticias
Comentários




No começo deste ano, o Google sofreu um ataque hacker cujos suspeitos teriam vindo de algumas universidades chinesas, e, embora as mesmas terem negado, as suspeitas continuavam, porém o Google não tinha como provar que era o governo da China o realizador do ataque, mas o WikiLeaks, organização sem fins lucrativos, sediada na Suécia que publica posts, documentos, fotos e informações confidenciais todos de fontes anônimas vazadas de governos ou empresas liberou ontem documentos que confirmam que a origem do ataque é chinesa.

A organização de Assange expôs mais de 250 mil documentos secretos do Departamento de Estado norte-americano, e inclui um arquivo do órgão executivo chefiado pelo Partido Comunista Chinês, o Politburo. A embaixada dos EUA em Pequim teria sido avisada por um contato chinês não identificado de que o órgão ficou à frente da “invasão aos sistemas do Google”. O ataque ao servidor era parte de uma campanha, coordenada por integrantes do governo, de acordo com o The New York Times.

Segundo o documento, um informante disse à embaixada dos Estados Unidos em Pequim que os ataques que vem ocorrendo desde 2002 ao Google e a várias outras empresas estadunidenses foram idealizados pelo partido comunista chinês Politburo, que atualmente governa a China, e realizados por especialistas em TI, oficiais do governo e vários procurados no país.

Fonte

Leia Também

Compartilhe

nenhum comentário
    Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!
Comente
  • obrigatório
  • obrigatório | não será divulgado
  • opicional | sujeito à filtro

RSS

RSS