17/02/11

50% dos computadores do mundo foram infectados em Janeiro

Noticias
Comentários




De acordo com os dados coletados pelo Panda ActiveScan, antivírus online gratuito da Panda Security –The Cloud Security Company–, 50% dos computadores analisados em todo o mundo durante o mês de Janeiro, estavam infectados com algum tipo de malware.

Os Trojans dominaram a maioria dos incidentes com 59% de todos os casos, seguindo  dos vírus tradicionais, com 12%, e os worms com 9%.

Os Trojans genéricos dominaram a lista das ameaças mais presentes no mundo em janeiro, seguido por downloaders e adware. O destaque do mês é a presença do Lineage, um antigo Trojan que continua a se espalhar e a infectar sistemas.
Generic Trojan 19,08
Trj/CI.A 13,47
Generic Malware 7,28
Trj/Downloader.MDW 2,73
W32/Xor-encoded.A 1,86
Exploit/ByteVerify 1,59
W32/Lineage.KDB 1,31
Trj/Pupack.A 0,86
Adware/Zwangi 0,84
Trj/Lineage.BZE 0,79

Tailândia, China, Taiwan, Rússia e Turquia ocupam as principais posições entre os países com o maior número de infecções, com mais de 50% dos computadores analisados infectados com malware. Considerado paraíso típico de malware, o Brasil registrou um índice menor de PC´s infectados e ficou na 7ª posição, com 47,68%.

Esse gráfico pode ser visualizado através do link:

Link

Segundo Ricardo Bachert, diretor da Panda Security Brasil, não houve diferenças significativas no número de infecções. “Assim com em todos os países, a taxa de infecção do Brasil não teve uma variação exorbitante, mas não nos tira do estado de alerta.

Por isso, alertamos sempre os usuários a se precaverem contra as ameaças, não só com uma solução antivírus com proteção em tempo real, mas também com as atitudes na Internet.

A Panda está iniciando uma campanha educativa para pais, avós e educadores para conscientizar o mundo sobre a necessidade de um esforço coletivo em defesa da segurança e em combate aos conteúdos ilícitos ou ameaçadores contra as máquinas domésticas”, comentou o executivo.

Leia Também

Compartilhe

1 comentário
  1. 1 iNotebooks.com.brem 17/2/2011 às 15:38

    Acho que deveria ser mas divulgado para os usuarios não clicar em links de e-mails recebido a grande maioria dos computadores infectados são por meio de links que os usuarios desinformados clicam.

Comente
  • obrigatório
  • obrigatório | não será divulgado
  • opicional | sujeito à filtro

RSS

RSS