08/10/10

Qual versão do Windows 7 devo escolher?

Dicas
Comentários

Qual a diferença entre as 2 versões do Windows 7, a versão 32-bit (arquitetura x86) e a versão 64-bit (arquitetura x64)?

As 2 versões são encontradas nas edições Home Premium, Profissional e Ultimate. Já as edições Starter (pré instalada) e Home Basic não possuem a versão 64-bit.

Vantagens e desvantagens do Windows 64 bits

Vantagens do 64 bits

A principal vantagem é a possibilidade de se usar mais de 4 GB de memória. A arquitetura x86 (32-bit) possui uma limitação nessa área, e só consegue trabalhar com até 4 GB, que na prática convertem-se em 3,3 GB. Enquanto na versão x64 (64-bit) pode se chegar até 192 GB.

O x64 também trabalha melhor também em programas com aplicações pesadas como o CAD ou Photoshop (desde que estes programas sejam compatíveis com esta arquitetura).

Outras vantagens são: maior estabilidade e utilização apenas de drivers assinados digitalmente.

Desvantagens do 64 bits

A grande desvantagem é que nem todos os softwares e acessórios para o computador estão otimizados ou são compatíveis para esta versão.

Com relação ao software, tudo bem. É possível você utilizar um programa para a versão 32-bit, embora em alguns casos pode ocorrer uma pequena perda no desempenho, porém nada que impeça o seu uso. Mas se você tem a versão 64-bit, é claro, deverá sempre procurar programas otimizados para esta plataforma.

Já com o Hardware a coisa é bem diferente. Os acessórios como teclado, impressoras, scanners, entre outros, podem não funcionar com a nova versão, pois necessitam de um driver específico.

Portanto, antes de qualquer instalação é altamente recomendável que você verifique a compatibilidade de todos acessórios do seu computador.

Para isto, utilize a Central de Compatibilidade do Windows 7, bastando inserir o modelo e marca dos componentes para verificar a compatibilidade. Para uma análise mais detalhada, rode o Windows 7 Upgrade Advisor que exibe relatórios de compatibilidade do seu computador para as duas versões 32-bit e 64-bit.

Qual versão devo comprar?

As edições Home Premium, Profissional e Ultimate trazem as 2 versões 32-bit e 64-bit. Portanto, cabe ao usuário definir qual utilizar no momento da instalação.

Meu Windows 7 possui qual versão?

Para saber qual a versão do seu Windows 7 atual basta acessar as propriedades do sistema.

Digite a tecla de atalho (Win Key)+(Pause/Break) juntas. Verifique o item (Tipo do Sistema).

obs.: a tecla (WinKey) tem o símbolo do windows impressa.

Meu Windows é 32-bit. Devo migrar para 64-bit?

Para definir qual versão você deve utilizar, devemos levar em conta algumas considerações:

  • Os aplicativos que você utiliza (ex. programas ou jogos antigos)
  • Tem até 4Gb de memória e não tem intenção de fazer upgrade a curto ou médio prazo;
  • Tem acessórios mais antigos acoplados no seu computador
  • Não quer se preocupar com compatibilidade de software, drivers e outros elementos;
  • O Windows 7 que você está usando, ou mesmo o XP, é satisfatório para aplicações que você necessita.

Neste caso você deverá manter ou instalar o Windows 7 na versão 32-bit e esperar por mais alguns anos até que tudo esteja otimizado para a versão 64-bit.

  • Realmente precisa mais de 4Gb de memória para as suas aplicações;
  • Você possui ou irá comprar acessórios novos e compatíveis;
  • Você vai comprar um novo computador e utilizará apenas softwares otimizados para a versão 64-bit.

Neste caso, é claro que você deverá migrar para a versão 64-bit.

Meu computador suporta a versão 64-bit?

O processador é o principal componente que determinará se é possível ou não instalar o Windows 64-bit.

Para verificar isto, utilize o aplicativo CPU-Z. Baixe o programa, descompacte-o e instale na sua máquina. Depois é só rodar e na primeira aba (CPU) observe o campo (Instructions).

No caso processadores AMD (AMD64 – nome comercial) aparecerá X86-64 (serve para as 2 versões)

Para a tecnologia Intel aparecerá EM64T, caso seja compatível com a versão 64-bit.

Como faço para migrar do 32 bits para 64 bits?

Para isto é necessário uma nova instalação do Windows na versão 64-bit. Não existe a possibilidade de se alternar de uma para outra sem a formatação e nova instalação, pois os sistemas são muito diferentes.

A instalação é idêntica para as duas versões, tanto faz utilizar uma ou outra, o trabalho é o mesmo.

Se você precisa mais de 4 Gb de memória nas suas aplicações, pois utiliza programas pesados com uso intenso de memória e de processador, compensa este trabalho todo.

Ps.: Analise todas as possibilidades, tome todos os cuidados e defina qual versão deverá utilizar.

Leia Também

Compartilhe

3 comentários
  1. 1 Reengenhandoem 11/10/2010 às 23:42

    Grande dica, valeu mesmo.

  2. 2 Wellington Limaem 15/4/2011 às 01:29

    Oi, tudo bem?
    Acho que não…
    como você pode dizer que alguém tem que esperar anos para migrar para 64 bits…
    uso um note 64 bits sou TI e sei do que falo…
    espero que você explique melhor o porque de não migrar para um tipo de leitura e processamento com mais desempenho, ou será que a Microsoft fala isso para seus usuários na hora de comprar um sistema: “hei, volte alguns anos e você leva um sistema de 64 bits capaz de suprir suas expectativas, brigado”. Acho que não…
    Bom, é o que eu penso.

    obrigado!

  3. 3 Wellington Limaem 15/4/2011 às 09:15

    Vocês só gostam de elogios pelo visto….
    e ainda dizem que este campo é para comentários…

    Bom dia?!?!?!?!?!?!?

Comente
  • obrigatório
  • obrigatório | não será divulgado
  • opicional | sujeito à filtro

RSS

RSS